Archive for Agosto 2013

CIDADE DOS OSSOS, Cassandra Clare


O livro da vez é Cidade dos Ossos! Primeiramente eu nunca havia sequer ouvido falar de Cassandra Clare antes de começar a ler Cidade dos Ossos. Então acho que isso por si só já despertou minha curiosidade. Depois tem a editora que é uma de minhas favoritas e há também a capa que é muito bonita. Agora imaginem minha surpresa quando o livro chegou em casa e ele tinha uns efeitos de brilho?! Foi amor à primeira vista. Mas... O amor não durou pra sempre.

Assim que comecei a ler achei a escrita bem simples e eu diria até fraca. Durante toda a história acompanhamos Clary, uma garota bem bacaninha, porém fica só em “bacaninha” mesmo. Ela tem um amigo chamado Simon que eu achava super-clichê até a metade do livro. E é esse que é um dos piores problemas de Cidade dos Ossos. É um livro que tem ação, mas as cenas de ação não chegam a tirar o fôlego e – posso estar errado – muitas vezes nem nota-se que aquilo é uma cena de ação. Exceto pelo sangue e pelos gritos.
E é assim até próximo às ultimas páginas do livro. Até chegar lá eu pensei em desistir tantas vezes, mas mesmo assim resisti. Afinal o filme iria lançar e eu precisava ter lido o livro antes de opinar no filme. Então lá fui eu, resisti por todas as páginas até o final e... VALEU A PENA. Cada página que eu li querendo fechar o livro, cada palavra que eu passei os olhos querendo largar, valeu a pena. O final é tão surpreendente que você quase esquece que o resto do livro foi bem sem graça.

Aliás, gente. Tem um casalzinho nesse livro, então pra quem gosta. Tá aí a dica de um romance sobrenatural que não é tão meloso como Crepúsculo. Vampiros que não brilham no sol e tudo mais. Então o meu conselho é que quando forem ler, resistam! Não larguem numa parte chata. Porque o fim compensa o meio. HAHA. Isso aí, boa leitura!

★ ★ ★ ★
 ÓTIMO




Cidade dos Ossos

Posted by : Cauan Cechinel
segunda-feira, 26 de agosto de 2013
7 Comments

- Copyright © 2013 Contracapa | Blog Literário - Shiroi - Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -